segunda-feira, agosto 10, 2009

TNLO


O ambiente em Óbidos não podia ser melhor, o convívio, a atmosfera nocturna da vila de Óbidos. Imperdível.
Antes do briefing, fui abordado por Irlandês que se mostrava curioso com todo aquele frenesim. Expliquei-lhe o que se passava e ficou bastante surpreendido com a prova, disse-me que também practicava atletismo e desejou-me boa sorte. Percebi pela sua expressão Irlandesa que pensava em algo do género: "eh pá... se eu soubesse".

Briefing... Dúvidas.. não?
Então vamos embora, partida simbólica com pelotão a ritmo acelerado até ao cemitério, sem cerimónias um tiro de revolver pôs o pessoal a correr dali para fora como se não houvesse amanha, tal foi o cagaço.

Passado pouco tempo de prova, já havia pessoal perdido e desorientado nas brumas da lagoa, uiii que medo... o escuro, o vento nas árvores e o martelar das raves ao longo da lagoa.
Durante algum tempo ainda acompanhei o Zen, em grupo compacto e em alegre cavaqueira, depois a cavaqueira deu lugar ao silêncio, altura em que meti uma mudança abaixo e entrei em velocidade cruzeiro. Haaaa... as minhas perninhas agradeceram e o Zen desapareceu no meio da noite.
ZEN na chegada a Óbidos.

Nas dunas, começo a apanhar pessoal que só podia ter andado perdido... pelos vistos houve muita gente que andou a "pastar". Cá está uma das vitimas da pastorícia nocturna... a minha lebre para a montanha branca.
Guilherme na chegada a Óbidos.

Após uns valentes kms... verdadeiras auto-estradas para velocistas, eis que estamos junto à vila de Óbidos. O ritmo aumenta e aquelas escadarias foram feitas a ritmo diabólico como se o CP de Chegada estivesse prestes a fechar na última etapa.
Fotos de Orlando Duarte, sempre pronto para imortalizar a chegada de todos os atletas, que celebrou o seu Aniversário em plena caminhada ao longo das margens da Lagoa de Óbidos. Parabéns Orlando.
Quem também celebrou o seu aniversário recentemente foi o próprio Zen, camarada de Trails, PEAs, XPDs e tudo o que implique empeno garantido.
Parabéns Zen...
Percurso da prova.

A minha Maria, também andou por lá... fez a caminhada nocturna e gostou da experiência. No domingo, os planos iniciais de ir "pastar" para o Montejunto foram facilmente substituidos por um bom peixinho em Peniche. Ha pois...

2 comentários:

Angelfish disse...

Deve ter sido espectacular! É preciso pernas para tanto empeno no mesmo dia!

Agora já sei o porquê do nome do Blog, eheheh! ;-)

Keep on the good trails!

Zen disse...

Grande Velez

Regresso de umas mini férias e tenho esta homenagem, estragas-me com mimos, obrigado!

Desapareci na noite mas a ganir com umas dores próximas do insuportável ( epá e não me digas que eu ando a figir-me de morto para enganar o coveiro porque isto é verdade, verdadinha). Definitivamente já tive dias atléticos melhores. Será do PDI? Pois... já cantam uns anitos de muita "porrada" e poucos cuidados com a "silhueta".

Parabéns pela prestação e um beijinho à Tânia que me recebeu muito bem quando cruzei o pórtico de chegada ( e eu bem precisava de palavras de ânimo).

Abraço